Conversa com o presidente

292
27 de Novembro de 2020

De olho no vírus

Boa tarde, como vocês estão?

A cidade está movimentada com a Black Friday e a gente espera que este aquecimento se estenda até o Natal, entrando em clima de fim de ano.

Logo, a partir do dia primeiro, Londrina ficará mais iluminada e as lojas de rua vão funcionar em horário estendido a partir do dia 3.

Muita gente aproveita a Black Friday para comprar os presentes de fim de ano, e tenho a certeza de que muitas promoções valem realmente a pena.

Outras pessoas preferem escolher com mais calma, caminhando, olhando as vitrines, aproveitando que os shoppings também ganharam mais uma hora de funcionamento e estão abrindo mais cedo.

Gente, recuperar a economia no fim do ano é muito importante. Queremos entrar em 2021 recompensando as perdas sofridas em 2020. Claro, nem sempre é possível, mas a movimentação é positiva porque o dinheiro circula pela cidade, gerando mais renda e emprego.

Só não podemos confundir as coisas. O clima de fim de ano não significa que estamos livres da pandemia. Várias cidades do Paraná vêm apresentando aumento dos casos e precisamos nos cuidar para evitar que isso aconteça em Londrina.

O grande erro, agora, é achar que estamos voltando à normalidade. Não estamos. O vírus ainda está aí, pelas ruas, procurando pessoas para se multiplicar.

Precisamos ser firmes com os protocolos de segurança, higienizar as mãos, manter o distanciamento e usar a máscara sempre que sair de casa. Com essas medidas, não é preciso evitar a Black Friday nem fugir das compras de Natal.

Aproveite o comércio da cidade com responsabilidade. Cuide-se e cuide de quem está à sua volta. Vamos celebrar o fim de ano com o vírus bem longe daqui.

Fernando Moraes, presidente da ACIL

 

Frase da semana: “Que Deus me dê serenidade para aceitar as coisas que não posso mudar, coragem para mudar as que posso e sabedoria para distinguir entre elas” - Reinhold Niebuhr (1892-1971), teólogo americano.

Histórico

Selecione um ano e um mês: