Conversa com o presidente

30
22 de Abril de 2015

EM DEFESA DA TERCEIRIZAÇÃO

Vemos com entusiasmo o projeto de lei que regulamenta os contratos de terceirização no País. Aprovada pelo Congresso Nacional, a nova lei contribuirá para modernizar as relações de trabalho e colocar o Brasil no caminho da produtividade. 

Com nossa experiência no associativismo, não acreditamos em soluções mágicas para retomar o desenvolvimento e sair da crise. A verdadeira solução passa pela aliança entre capital e trabalho para aumento da produtividade em todos os setores da economia nacional. 

A lei da terceirização é uma conquista para empresas e trabalhadores. Oferece segurança jurídica nas contratações; favorece a especialização e qualificação da mão de obra; reduz a informalidade na economia; cria novos postos de trabalho com carteira assinada. É um absurdo que um projeto de lei tão importante tenha ficado mais de dez anos parado no Congresso Nacional! 

Terceirizar é capacitar as pessoas. É especializar a mão de obra. É fortalecer a segurança dos trabalhadores. É reduzir custos. É criar empregos. É, enfim, dar um passo importante no caminho de um Brasil melhor e mais justo. Terceirização também é responsabilidade, transparência, respeito, justiça e verdade - os cinco valores defendidos pelo nosso movimento cívico Brasil Mostra Sua Garra. 

Sabemos que alguns setores sindicais têm críticas ao projeto de terceirização. Respeitamos as posições divergentes e acreditamos que o debate franco foi extremamente benéfico para esclarecer a sociedade brasileira. O que não podemos é olhar para o outro lado e fugir do tema. A terceirização é um caminho seguido pelo mundo inteiro, uma tendência inevitável, uma condição básica para o desenvolvimento. 

O Brasil já entendeu que a terceirização é uma medida necessária para nos ajudar a vencer a crise. Se não quiser continuar perdendo espaço, o País precisa dar este passo adiante. 

Até a próxima,
Valter Luiz Orsi

Histórico

Selecione um ano e um mês: