Conversa com o presidente

276
30 de Novembro de -0001

O associativismo não parou

Boa tarde, pessoal! tudo certo?

A gente está numa correria danada por conta da pandemia, pois existe uma angústia para que essa doença desapareça o mais rápido possível. Mas nem por isso deixamos de trabalhar nas iniciativas desenvolvidas pela ACIL ao longo dos anos, ao lado de muitos e importantes parceiros.

O Núcleo de Desenvolvimento Empresarial, por exemplo, foi criado em 2009 e continua fundamental para articular projetos e iniciativas voltadas ao desenvolvimento da cidade.

Nossas reuniões agora são virtuais. A pauta, porém, continua a mesma: apontar e implementar soluções para melhorar a economia e a qualidade de vida. Mesmo à distância, mantemos a capacidade de colocar ideias em prática, atuando em temas decisivos como a revitalização do Centro e o novo Plano Diretor.

Mais recente, mas não menos importante, a Comissão de Infraestrutura reúne representantes dos mais diversos setores para reivindicar, cobrar e acompanhar a execução de obras tão essenciais quanto o Contorno Norte, a duplicação da PR-445 e a ampliação do Aeroporto.

Como a primeira reunião foi em julho de 2017, estamos comemorando três anos de trabalhos intensos e conquistas significativas. Há poucos dias, tivemos uma reunião com Tarcísio Gomes de Freitas, ministro da Infraestrutura, que reafirmou o compromisso em concluir o Contorno Norte e incluiu o Aeroporto entre as concessões do Bloco Sul do Programa de Parcerias de Investimentos do governo federal. Nossa conquista mais recente é a trincheira no cruzamento da Bratislava, na BR-369, em Cambé, obra que já está licitada.

Cada um desses temas renderia uma longa conversa, mas a intenção é mostrar que as coisas estão caminhando. Não ficamos paralisados pela pandemia, que nos enche de notícias ruins. Londrina continua avançando para se tornar uma cidade cada vez melhor.

Até semana que vem!

Fernando Moraes, presidente da ACIL. 

 

Frase da semana: “Tudo o que um sonho precisa para ser realizado é alguém que acredite que ele possa ser realizado” - Roberto Shinyashiki, psiquiatra e empresário brasileiro.

Histórico

Selecione um ano e um mês: