Conversa com o presidente

297
30 de Dezembro de 2020

Tempo de transformação

Olá, tudo certo? Prontos para 2021?

Todo fim de ano nos enche de esperanças, e este não é diferente, especialmente por se tratar de um conturbado 2020. Torcemos para que o ano novo traga muita saúde e a vida volte a ser como era.

Projetamos, na passagem do ano, o fim de problemas que muitas vezes foram provocados pelos nossos próprios defeitos. Planejamos emagrecer, praticar esportes, aprender idiomas e expandir os negócios como se tudo isso não exigisse trabalho, dedicação, perseverança e, principalmente, mudança de comportamento.

Tem gente que já está abandonando a máscara. Outros planejam festas e confraternizações. Calma, pessoal. O ano está acabando, mas a pandemia não. Pelo contrário, os casos estão aumentando pelo país e o momento exige moderação e cuidado.

Creio que a maioria de nós conhece alguém que sofreu com a Covid-19. Subestimar a doença, neste momento, é arriscar a própria vida e a de quem está por perto. O vírus continua se espalhando rapidamente e a ansiedade acaba atrapalhando a prevenção. O ano de 2020 nos ensinou muita coisa, não devemos jogar tudo para o alto só porque ele está acabando.

O ideal é que a celebração seja contida, reservada, em família, cheia de reflexões sobre um tempo que certamente será de transformação. Como as nossas promessas de Réveillon mostram, mudar não é fácil. Mas foi graças à nossa capacidade de adaptação que sobrevivemos a 2020 e chegamos até aqui.

Somos empresários, resilientes e perseverantes. Não vamos entregar o jogo no final do segundo tempo. Devemos valorizar as lições de 2020 para fazermos de 2021 um ano realmente inovador. Que seja um tempo de conquistas e realizações. Depende da gente. E nós vamos conseguir.

Feliz ano novo!

Fernando Moraes, presidente da ACIL. 

 

Frase da semana: “Não é o mais forte que sobrevive, nem o mais inteligente. Quem sobrevive é o mais disposto à mudança” – Charles Darwin, cientista britânico.

Histórico

Selecione um ano e um mês: