Conversa com o presidente

110
03 de Março de 2017

Voe conosco neste ano de celebração

É um tempo novo para nossa associação. Esta semana começamos a nos “vestir” com os “trajes” para a festa dos 80 anos de fundação.

Já figura no nosso site, no Facebook e nos outros perfis da entidade nas principais redes sociais, o slogan e a logomarca que vão nos acompanhar em toda a temporada, pensada com o objetivo de transformar 2017 em um ano inesquecível para nós e para vocês.

O slogan “Só Toca o Céu Quem Tem Medo de Voar” e a nova logo, com asa (há também referências aos elementos em círculos que marcam o traçado das ruas do centro, a Concha Acústica e a Rodoviária), remetem a Mercúrio, deus do comércio na Antiguidade.

Nada mais apropriado. Mercúrio e seus voos representavam para os romanos o dinamismo, a velocidade, a curiosidade, a pesquisa e a disciplina, conjunto de virtudes que marcou nossa trajetória e que vamos exaltar e cultivar, garantindo a força da entidade para as próximas gerações.

A programação do “oitentenário” será extensa e gostaríamos de contar com a participação efetiva do nosso corpo de associados. Enxergamos esta celebração menos como uma manifestação de vaidade e mais como uma oportunidade de reforçar a união do setor produtivo e nossos compromissos com as causas nobres da sociedade civil.

É importante que você, associado, esteja atento ao calendário de atividades, que serão informadas oportunamente. Acompanhe nossos perfis nas redes sociais e os informativos do nosso site. Queremos que você desfrute cada momento e contribua conosco para mantermos nosso padrão de excelência.

No próximo dia 14, a propósito, teremos a primeira atividade, com a realização de uma edição especial do Fórum Mercado em Foco, no Aurora Shopping. Temos a certeza que será um evento relevante para melhorar a sua atuação no universo empresarial, uma das nossas missões históricas.

Compareçam!

É só o primeiro capítulo de uma linda história!

Até a próxima,

Claudio Tedeschi

Frase da semana

“Fala-se tanto da necessidade de deixar um planeta melhor para os nossos filhos, e esquece-se da urgência de deixarmos filhos melhores para o nosso planeta”,

Anônimo 

Histórico

Selecione um ano e um mês: