18/07/2017 09:03:49 Cervejarias artesanais ganham núcleo do Empreender

Fonte: Assessoria ACIL

O segmento de cervejas artesanais em Londrina e região está se unindo para tornar-se referência para o País.

O primeiro passo foi dado por um grupo de sete microempresários do setor, sob orientação da área de Negócios da ACIL. Foi lançado na noite de segunda-feira (17), no Palácio do Comércio, o Núcleo de Cervejarias Pé Vermelho, o 13º do Programa Empreender na cidade.

Os integrantes do grupo se aproximaram a cerca de dois anos com os mesmos propósitos que fundamentam o trabalho do programa, que é basicamente transformar concorrentes em parceiros, sempre na busca por soluções para problemas comuns.

“Vimos a necessidade de se organizar para difundir uma cultura cervejeira na região através de um calendário de eventos com nossas características”, explica o produtor Lucas Varéa Pereira, que envasa o rótulo Amadeus. “Isoladamente não estávamos alcançando todo o potencial de mercado que temos”, lembrou Pereira, que fez uma pequena explanação para o grupo sobre o momento do segmento em nível nacional. “Há muito a crescer. Temos apenas 0,7% de participação no mercado global e podemos ter uma fatia muito maior em alguns anos”, comparou.

Uma das primeiras decisões do grupo foi lançar um selo indicativo que irá figurar nos rótulos das cervejas artesanais participantes do núcleo.

No lançamento, o grupo foi saudado pela diretora de Serviços da ACIL, Marcia Manfrin, que exaltou a iniciativa manifestando a confiança no sucesso da empreitada.

No final, houve uma sessão para degustar os rótulos. 

“A ACIL acredita muito neste segmento e quer contribuir para esta nova cultura, muito mais ligada à gastronomia do que o mercado de cerveja comercial. Temos um grande mercado a ser conquistado e esperamos que a qualidade dos produtos garanta um crescimento mais acelerado a partir de agora”, avaliou Valéria Furlan Sitta, analista de negócios da ACIL.

Galeria de Fotos