08/11/2019 11:12:30 Conversa com o Presidente: Um pacote que coloca o dedo na ferida

O Plano Mais Brasil – A Transformação do Estado, entregue esta semana pelo presidente Jair Bolsonaro e pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, ao Senado, enfim, é o passo mais importante para mudar a atuação do Estado brasileiro.

No Brasil moderno, é a primeira vez que governantes têm a coragem de colocar o dedo na ferida: Brasília é um fardo pesado demais para o País carregar.

Os empresários sabem muito bem como funciona uma pessoa jurídica a caminho da falência. As receitas são menores que as despesas, o quadro de funcionários é enorme e com salários acima do mercado e as dívidas só aumentam.

Mas agora há um projeto para recuperar o Brasil.

O plano é composto de três Propostas de Emenda Constitucional (PECs) que deverão ser submetidas ao Congresso. Mexem em vespeiros. São elas a PEC do Pacto Federativo (mais autonomia e recursos para estados e municípios), a PEC da Emergência Fiscal e a PEC dos Fundos Públicos (ambas para o controle e a desindexação dos gastos nas três esferas de governo).

É um momento histórico e que merece ser celebrado. Antes, contudo, o empresariado deve exercer sua cidadania e repetir a bem sucedida articulação que nos levou à Nova Previdência, um alívio para a crise.

Como aquele, este é um tema que exigirá bastante argumentação e convencimento junto às bancadas. As forças retrógradas – seguidores da filosofia do quanto pior melhor - vão agir e precisamos ser ainda mais fortes para fazer valer os interesses do Brasil.

São duas votações em cada casa, com a necessidade de 3/5 dos votos para que o plano se torne realidade. Quanto mais vozes tivermos, quanto mais barulho fizermos, mais chances teremos de convencer nossos representantes de que este programa enche o País de esperança.

Vamos abraçar este desafio?

Bom fim de semana!

 

Fernando Moraes

 

Frase da semana:

“Não fui eu que lhe ordenei? Seja forte e corajoso! Não se apavore, nem se desanime, pois o Senhor, o seu Deus, estará com você por onde você andar".

Livro de Josué, capítulo 1, versículo 9