30/09/2014 00:00:00 Endividamento deve ser moderado

Fonte: Folha de Londrina com Agência Estado

O diretor de Política Econômica do Banco Central, Carlos Hamilton Araújo, avaliou ontem que o endividamento das famílias tem diminuído e que atrasos no pagamento não apontam tendência de alta da inadimplência. Segundo ele, o BC trabalha com crescimento moderado do crédito, em particular do consumo. Ele observou ainda que houve recuo importante da inadimplência nos últimos anos. O diretor observou ainda que em 2005 o endividamento era 18% e que hoje está em 46%. "Então a capacidade de alavancagem das famílias era muito maior e hoje está menor", ponderou. 

Segundo ele, um avanço dessa magnitude no endividamento e em um espaço de 10 anos não deve se repetir. Hamilton ainda disse que as provisões feitas pelo sistema bancário para perdas de crédito mostram uma ligeira tendência de recuo.