09/02/2012 00:00:00 pmn repete solicitacao de cp contra barbosa

O presidente municipal e regional do PMN, Benjamin Zanlorenci, protocolou, pela segunda vez, o pedido de instalação de Comissão Processante (CP) para investigar os contratos ente a prefeitura e a Centronic.
O ex-secretário de Defesa Social fez o mesmo pedido em dezembro. Porém, a falta de requisitos legais, pequenas informações, levaram a Mesa Executiva a rejeitá-lo.
O documento apresentado, hoje, está mais robusto. Cresceu de uma para onze páginas, sem contar os anexos. “Fizemos nosso papel de solicitar um aprofundamento nas investigações e conceder espaço para que o prefeito se defenda. Agora, cabe à consciência dos vereadores decidir sobre o caso”.
Zanlorenci nega a possibilidade de candidatura nas próximas eleições. Porém, ele adianta que o PMN buscará alianças que compartilhem dos mesmos projetos para a cidade.
A expectativa é que, até o final da próxima semana, a Procuradoria Jurídica da Câmara ofereça um parecer sobre o pedido.