11/03/2015 00:00:00 Um brinde ao Sucesso

Fonte: Kalinka Amorim - Revista Mercado em Foco

Já faz algum tempo que o mundo corporativo vem discutindo novos modelos de gestão de pessoas. E é fato que as empresas que investem em gestão estratégica têm colhido bons frutos. Valorizar o capital humano, apostar no crescimento profissional do colaborador, gerar um ambiente saudável para se trabalhar, incentivar o espírito de equipe, dar liberdade para o colaborador expor suas idéias, desenvolver lideranças motivadoras e inspiradoras que se importam em dar e receber feedback, entre tantos outros fatores praticados é o que a GolSat, a Sicoob Norte Paraná e Apetit Serviço de Alimentação têm feito. Essas empresas londrinenses são destaques dentre as 25 melhores do Paraná para se trabalhar, de acordo com levantamento do Instituto Great Place to Work (GPTW).

Tecnologia transformadora

A GolSat, empresa de telemetria, alcançou o 8º lugar no ranking das 25 melhores empresas para se trabalhar no Paraná. As soluções práticas desenvolvidas por especialistas em gestão de frotas leves, além de deixar seus clientes satisfeitos, no âmbito econômico, ambiental e social traz orgulho para sua equipe de 65 colaboradores.

O segredo para tanto sucesso, de acordo com o gerente de Recursos Humanos Carlos Tudisco, é a sinergia entre colaboradores, líderes e diretores que acreditam e seguem a diretriz da empresa que é gerar uma economia de combustível, limitar os riscos e reduzir a poluição, sempre melhorando a segurança dos condutores. “Os colaboradores entendem o que a empresa quer e onde almeja chegar. A diretoria tem uma forma de comunicação muito dinâmica com o pessoal. Isso elimina algumas barreiras hierárquicas. Não há muita formalidade para os processos e esse é um fator que acho relevante”, explica. De acordo com ele, qualquer funcionário tem acesso ao alto escalão da empresa podendo expor suas idéias. “Isso, jamais, é visto como passar por cima do outro, muito pelo contrário, gostamos de saber o que os colaboradores pensam. Afinal são eles que estão em contato direto com o cliente”, complementa.

Participar do levantamento realizado pelo Instituto Great Place to Work (GPTW), conforme Tudisco foi a iniciativa tomada para entender como seus funcionários olhavam a empresa. “É uma forma muito isenta de entender o que os colaboradores pensam a respeito da instituição na qual trabalham. Percebemos que teríamos condições de concorrer e ganhar uma boa colocação nesse prêmio, que é uma certificação reconhecida internacionalmente e muito rigorosa com relação ao sigilo”, afirma. “O resultado surpreendeu. Foi um presente para todos que trabalham aqui. É importante trabalhar numa empresa certificada pelo GPTW”, garante.

Liberdade e União

Administrador por formação, Márcio Pereira, 32, atua na empresa há dois anos como Supervisor de Relacionamento. União, para ele, é uma das características que mantém seu entusiasmo e a paixão pelo trabalho. “A empresa proporciona um sentimento de equipe. É como se fosse uma extensão da casa da gente, uma família”, afirma. “Sempre recebemos apoio dos colegas, tanto nos assuntos profissionais como também nos pessoais e essa sensação de estar sempre junto para tudo é muito boa”, declara.

Outro fator pontuado por Pereira, que faz com que a GolSat se destaque entre as Melhores Empresas para se Trabalhar no Paraná, é a liberdade que a empresa concede aos colaboradores. “Nós temos nossas atividades e cada função mostra claramente o que deve ser realizado. Eles direcionam e você realiza de acordo com seu perfil profissional. Não há imposição. Isso gera um crescimento pessoal e profissional e traz muita segurança, isso cria em nós o desejo de sempre querer fazer o melhor”, afirma. “A gente acredita tanto no que faz, trabalhamos tanto em conjunto que se tornou natural esse espírito de equipe”, corrobora a analista de projetos, Luciana Mantovani Tejo.

Para ela, o que chama a atenção além do espírito de equipe é a chance de fazer uma carreira na empresa. “Todo mundo é muito valorizado e quando surge uma vaga para uma hierarquia maior, o líder direto analisa e a chance de se fazer carreira e subir de cargo na empresa é muito grande. A empresa trabalha muito em direcionar os funcionários de acordo com o seu potencial. Isso dá uma chance enorme para se desenvolver e crescer profissionalmente”.

Além desse clima benéfico, o colaborador da GolSat também conta com os seguintes benefícios: Assistência Médica e odontológica, bolsa de estudos, vale alimentação, ginástica laboral, treinamentos periódicos, confraternizações em datas especiais. Além de ter um incentivo para uma alimentação mais saudável com a disponibilização de frutas frescas no período da manhã e da tarde.

Humanização, Respeito e valorização à pessoa

No Sicoob Norte do Paraná a surpresa também tomou conta da equipe. É a primeira vez que a instituição participa do GPTW e garante o 17º lugar de Melhor Empresa para se Trabalhar no Paraná.

Para o diretor presidente Wilson Cavina, um conjunto de ações gerou esse resultado. Proximidade entre líderes e liderados, clima agradável de trabalho, discurso coerente com a prática, feedbacks constantes, planos de cargos e salários, plano de saúde e odontológico, auxílio combustível, auxílio telefonia, cartão farmácia, treinamentos, bolsa de estudos.

Mas o que cativa mesmo os funcionários, na opinião dele, é a forma diferenciada de tratamento que é dispensada aos colaboradores. “Realmente consideramos o colaborador como fator importante no nosso negócio. Humanizamos as formas de trabalho prezando sempre a comunicação assertiva. Antes de ser mão de obra importante, são pessoas e merecem ser tratadas com tal. Sem eles a Sicoob não existiria”, garante. “

Datas como o dia do aniversário, da formatura, da descoberta da gravidez, do nascimento do primeiro filho, o primeiro aniversário de casamento, todas são comemoradas. “Fazemos questão de entregar uma lembrancinha e isso faz muita diferença na vida do funcionário, conseqüentemente o desempenho melhora”, assegura a gerente de Recursos Humanos do Sicoob Norte Paraná, Milena Campreguer.

Além de todos esses detalhes que cativam os funcionários, um programa diferenciado de licença maternidade estendido chama a atenção. A funcionária goza o que é de direito por lei, os quatro meses. Sai de férias e depois retorna gradativamente até o bebê completar um ano de idade. “Além de não ser uma separação traumática, identificamos que a colaboradora rende muito mais, num curto período de quatro horas ela consegue entregar mais resultados do que permanecendo o tempo integral de trabalho”, afirma Milena. “O ganho, a dedicação e a fidelidade que temos com esse projeto é muito grande”, complementa Cavina. Matutino ou vespertino, a escolha do período a ser trabalhado é feita pela colaboradora e o tempo integral de sete horas de trabalho só volta a ser praticado a partir do momento que a criança completa um ano.

Detalhes que fazem a diferença

Há sete anos, Carmen Paiva Gouvea, 34 anos, debutou no Sicoob como estagiária. Hoje ocupa o cargo de gestora do departamento de crédito e está feliz da vida por trabalhar numa empresa certificada pelo GPTW. “Amo a cooperativa e o que faço. A valorização humana aqui é muito boa. Não conheço uma empresa que valorize o lado humano do funcionário como o Sicoob valoriza”, afirma.

Ela conta que uma das primeiras coisas que chamou muito a sua atenção foi ter ganhado um presente no dia da formatura. “Não tinha comentado nada com ninguém. Eles descobriram e me presentearam. Fiquei surpresa e muito feliz! São pequenos detalhes que fazem a diferença”, diz.

Carmen pretende seguir carreira no Sicoob e vem se preparando para isso. Atualmente ela faz um curso de MBA em Gestão, custeado pela empresa. “Comecei como estagiária, fui assistente e hoje sou gestora, mas em breve pretendo chegar à diretoria”.

RH Estratégico

Há quatro anos consecutivos a empresa Apetit Serviços de Alimentação figura no ranking das melhores empresas para se trabalhar. Com mais de 1,6 mil colaboradores e escritórios espalhados em 12 estados brasileiros, o cuidado com as pessoas é o segredo que mantém a Apetit em destaque, explica a gerente de Estratégia, Pamela Manfrin. “É por meio delas que crescemos e nos desenvolvemos. Dessa forma, nada melhor do que o alinhamento entre a cultura e a gestão, o discurso e a prática. Pensando assim, investimos constantemente na capacitação para que os colaboradores estejam realmente engajados com a estratégia organizacional e estejam aptos a trabalhar a favor dela”, diz

Alinhamento, foco, determinação, conforme ela, são palavras constantes no vocabulário de quem trabalha na empresa. “Nada disso seria possível sem uma equipe forte e estruturada, e é nesse aspecto que a atuação do RH estratégico faz a diferença”, afirma. “São dezenas de práticas formalizadas para ouvir, falar, cuidar, compartilhar, contratar, agradecer, desenvolver, inspirar e celebrar, todas essas formam o que chamamos de Universo Apetit”, complementa.

Para ela, o que motiva os colaboradores é a oportunidade de crescimento encontrada na empresa. “Esse é um grande diferencial para quem trabalha conosco. A empresa cresce em média 30% ao ano e, isso, gera muitas oportunidades de promoções”. Pamela acredita que o reconhecimento motiva a busca por resultados. “Nossa equipe de RH e toda a liderança é muito comprometida com as etapas de recrutamento e seleção, com o perfil dos colaboradores e seus objetivos pessoais. Queremos profissionais que se sintam felizes conosco. Alinhamento entre expectativas do colaborador e a realidade da empresa é fundamental para o sucesso de ambas as partes”, opina.

Plano de Saúde, Plano odontológico, Uniforme, Alimentação - café da manhã, almoço e frutas à tarde-, Universidade Corporativa, Convênio Educação, Vale transporte, Cartão Alimentação, Programa de qualidade de vida com massagem, Ginástica laboral, Palestras, Participação nos Lucros e Resultados – PLR, entre muitos outros são os benefícios oferecidos pela Apetit.

Liderança Inspiradora

Para o consultor empresarial Wellington Moreira da Caput Consultoria , uma boa empresa para se trabalhar precisa ter lideranças inspiradoras que compartilhem informações. “ Uma empresa pode até ter uma boa política, mas se essa política não for o que os trabalhadores querem, não basta. O segredo é entender o que os trabalhadores querem e isso se descobre conversando com as pessoas. Por isso a importância de um líder aberto ao diálogo”.

Além de lideranças inspiradoras, a empresa, na opinião de Moreira, deve ter boa política de remuneração, proporcionar perspectiva de futuro, aprendizado contínuo e espírito colaborativo.