31/03/2020 11:33:46 Saiba quais são as medidas econômicas para minimizar os impactos do novo coronavírus em Londrina

Fonte: Assessoria ACIL

O presidente da ACIL, Fernando Moraes, esteve presente na entrevista coletiva realizada na manhã desta terça-feira (31), na prefeitura de Londrina, na qual foram anunciadas medidas para minimizar os impactos econômicos resultantes da pandemia do novo coronavírus.

Confira as medidas: 

Medidas de contingenciamento:
-R$ 36 milhões em contingenciamento de 15% das despesas de custeio e 80% das despesas com investimentos e manutenção de obras em andamento.
-R$ 18 milhões vindos da suspensão da contribuição de 3% para a CAAPSML. Os valores vão para a Saúde. 
-R$ 1 milhão de suspensões de novas contratações de servidores e estagiários, menos Saúde e Assistência Social. 
-R$ 2 milhões de contingenciamentos em repasses ao Promic.
-R$ 2 milhões de contingenciamento em repasse à FEIPE.
-R$ 2 milhões em redução de contratação de engenheiros. 
-R$ 5 milhões com suspensão de licença prêmio por três meses.
-R$ 6 milhões com suspensão de horas extras a partir de abril, com exceção de Saúde, Assistência Social e Fiscalização. 
-R$ 7,5 milhões de utilização de recursos de fontes junto aos Conselhos.
-R$1 milhão com suspensões de viagens por tempo indeterminado. 
-R$ 1 milhão com suspensão do pagamento de jornada estendida, com exceção da Saúde. 
-R$ 81.500.000,00 - total do contingenciamento. 

Apoio ao empresário e cidadão:
-Linha de crédito de R$ 20 milhões para micro e pequenos empresários e profissionais autônomos, via Fundo Garantidor em convênio com a Garantinorte. Financiamentos de até R$ 60 mil com taxa de 0,56% ao mês e 6 meses de carência. A Prefeitura depositou R$ 1 milhão e a Câmara de Vereadores depositou outro R$ 1 milhão como garantia para a linha de crédito. Projeto de Lei já foi encaminhado à Câmara. 

-Parcelas de IPTU, ISS e taxas da Prefeitura referentes a 2020, que vencem entre 30 de março e 29 de maio tem o prazo de pagamento prorrogado para junho sem multa. A prorrogação se dará via decreto municipal.