17/12/2015 00:00:00 ACIL alerta sobre golpe na limpeza de nomes

Fonte: Assessoria ACIL

No fim do ano, a entrada do 13º salário e o movimento aquecido no comércio incentivam consumidores a quitarem suas dívidas acumuladas nos últimos meses. O período também serve como estímulo para golpistas que prometem “limpar o nome da pessoa” em curto prazo. Na pressa de extinguir o saldo devedor, a vítima efetua o pagamento, mas continua com seu nome negativado na lista de inadimplentes. O CPF sujo torna muito mais difícil a aprovação de financiamentos, empréstimos, cartões de crédito e parcelamentos das compras em lojas.

A ACIL reforça que tal prática é considerada golpe e precisa ser denunciada. “A ACIL oferece a informação se o nome da pessoa está com algum tipo de pendência financeira. Se for o caso, aconselhamos que ela procure seus credores e negocie a dívida o quanto antes”, explica Diego Menão, superintendente da Associação Comercial.

O consumidor que sentir-se lesado também pode registrar um Boletim de Ocorrência na polícia.

A ACIL oferece a consulta para que o consumidor descubra se está ou não inadimplente - ela poderá ser feita apenas pessoalmente no balcão da entidade. 

Para obter mais informações e tirar duvidas o interessado pode ligar para (43) 3374-3000 ou ir pessoalmente até a sede da entidade, na Rua Minas Gerais, 297, 1 andar ou na Regional Norte da ACIL, na Avenida Saul Elkind, 1820.