18/11/2014 00:00:00 CPI aprova quebra de sigilo de tesoureiro do PT

Fonte: Assessoria do senador Alvaro Dias

Apesar de toda a resistência e esforço contrário dos parlamentares do PT e outros governistas, a CPI Mista da Petrobras aprovou, na tarde desta terça-feira, em votação apertada (12 a 11), as quebras dos sigilos bancário, fiscal e telefônico
 do tesoureiro do PT, João Vaccari Neto. O tesoureiro é um dos principais envolvidos com o chamado "escândalo do petrolão". Por unanimidade, os integrantes da CPI Mista também aprovaram a convocação do ex-diretor de Serviços da estatal Renato Duque. Acusado de participação em esquema de corrupção dentro da empresa, Duque está preso temporariamente desde a última sexta-feira, quando foi deflagrada a a sétima fase da Operação Lava Jato da Polícia Federal. Logo após fecharem a convocação de Renato Duque, os parlamentares aprovaram a convocação de Sérgio Machado, presidente licenciado da Transpetro, subsidiária da Petrobras.