27/12/2018 13:08:13 Empresa londrinense vai construir ciclovia na avenida Saul Elkind

Fonte: Folha de Londrina

A construtora DJ Ltda, de Londrina, venceu a licitação para construção de uma ciclovia de 2,3 km na avenida Saul Elkind, entre a avenida Santo Magrini e a rua Firmino Almeida Tavares, no conjunto Vivi Xavier, na zona norte. A empresa apresentou o menor valor das que participaram do edital: R$ 344.376,67. A redação inicial do processo ditava o preço máximo de R$ 391.356,44. O dinheiro vem de um convênio fechado com o Ministério do Turismo. As obras deverão ser executadas em até 150 dias e começam assim que a ordem de serviço for assinada. 

Do orçamento enviado pela DJ, R$ 206.626,00, ou 60%, serão investidos na aquisição de materiais e R$ 137.750,67 (40%) para contratação de mão de obra. Estão previstas a terraplenagem, sinalização, pintura e pavimentação das vias adjacentes do local onde a ciclovia será instalada. O resultado da licitação deveria ter sido divulgado há alguns meses, mas, em agosto, o secretário municipal de Gestão Pública, Fábio Cavazotti, suspendeu o certame para adequação das planilhas orçamentárias. 

A diretora de Trânsito e Sistema Viário do Ippul (Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Londrina), Denise Ziober, lembrou que a ciclovia irá completar um trecho já construído na própria Saul Elkind. "O atraso aconteceu porque a empresa que havia vencido a licitação anterior abandonou os trabalhos. Isso fez com que a prefeitura elaborasse um novo projeto e publicasse outro edital. O recurso do governo federal, porém, não foi perdido", assegurou. 

Com mais esta etapa da rede cicloviária, a expectativa é que as pessoas que trabalham na região do Vivi Xavier não precisem mais conviver com o perigo do trânsito londrinense. "Muitos utilizam a bicicleta para ir ao trabalho e correm riscos todos os dias, rotina que deve ser amenizada com a interligação de boa parte da avenida", esclareceu Ziober. 

Londrina conta atualmente com 36 km de ciclovias existentes, sendo que mais seis quilômetros estão sendo executados nas avenidas Dez de Dezembro - esta uma contrapartida de uma universidade particular, que recebeu um terreno no final da Santa Mônica, zona leste - e Europa.