29/05/2018 19:15:14 Empresas e jardineiros da cidade querem participar da licitação de roçagem de Londrina

Fonte: Programa Compra Londrina
 
 
Dezenove empresas de jardinagem, roçagem e paisagismo – e jardineiros autônomos – participaram do encontro do Programa Compra Londrina, na sede da ACIL, para discutir um novo modelo de limpeza de áreas verdes da cidade. A intenção do poder público – Prefeitura e CMTU – é dividir o serviço de roçagem em lotes menores.
 
Hoje, o Município aplica cerca de R$ 8 milhões por ano no controle do mato na cidade, feito por apenas uma empresa. Os contratos atuais acabam em dezembro.
 
No Compra Londrina, a ideia é que pequenos empreendedores e empresas locais disputem o serviço em escolas, postos de saúde, praças e canteiros de Londrina.
“Por mim, cuidaria de umas 10 escolas sozinho. Adoraria pegar um serviço desses. Faria com todo o carinho porque nasci aqui, moro aqui. Ficaria muito feliz de ajudar”, diz o jardineiro João Borges, da Ong Monte das Oliveiras. “Quero entrar nessa disputa”.
 
“Gostei bastante do encontro de hoje porque foi uma boa oportunidade para microempreendedores. Como a maioria dos editais de licitação fica só no Diário Oficial e ninguém lê, encontros assim são excelentes para nos prepararmos e entrar em uma licitação. Seria ótimo para o crescimento da minha empresa” , afirma Willian Gabriel, gestor ambiental da empresa S.A. do Vale.
 
Na próxima rodada de conversas com o setor, ainda sem data definida, a Prefeitura deve apresentar uma proposta definitiva de como será o modelo de limpeza de áreas verdes que pode ser disputado pelos negócios locais.
 
O que é
Um novo modo de enxergar as concorrências públicas, o Programa Compra Londrina é uma realização da ACIL, Sebrae, Observatório de Gestão Pública de Londrina, Codel, Fiep, Prefeitura de Londrina, Sincolon, Sescap LDR, Sincoval e Sinduscon. O programa oferece grandes oportunidades para o empresário local fomentar o seu produto, além de alavancar a competitividade das empresas por meio da participação em licitações, pregões eletrônicos e outras modalidades de compras públicas definidas por lei.
 
 
Para mais informações sobre o programa municipal, acesse o site compralondrina.com.br