09/02/2012 00:00:00 tera explicacao

Como era previsto, o presidente da Sercomtel Roberto Coutinho não comparecerá à sessão desta tarde.
Ele foi convidado por Joel Garcia (PP) para prestar contas sobre a contratação direta da Intervox. Este foi o resultado de mais um processo licitatório conturbado em Londrina.
Coutinho tem evitado comentar o assunto que ainda é analisado pela assessoria jurídica da Sercomtel.
O fato é que o negócio chamou a atenção do Ministério Público e o promotor Renato de Lima Castro concedeu 10 dias para a telefônica se explicar.