15/12/2014 00:00:00 Tiradentes terá faixas exclusivas para ônibus e volta de cruzamento

Fonte: JL

A Prefeitura de Londrina deve publicar em breve o edital de licitação para a revitalização da Avenida Tiradentes, mas com todo o processo de concorrência pública, as obras só devem começar no início de fevereiro. O projeto, feito pelo Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Londrina (Ippul), prevê, além do recapeamento de toda a via, alargamento de trechos, canaletas exclusivas para ônibus e reabertura do cruzamento da Tiradentes com a Avenida José de Alencar e Rua Deputado Nilson Ribas.

Segundo o secretário municipal de Obras e Pavimentação, Walmir Matos, a obra tem custo estimado em R$ 1,9 milhão que são sobra de recursos da Caixa Econômica Federal para a revitalização da Avenida Saul Elkind. A contrapartida do Município será de 5%. De acordo com Matos, o ideal seria que as obras fossem feitas no período das férias escolares, com o trânsito menos intenso de janeiro. “Infelizmente, não conseguimos agilizar o processo.”

Segundo o secretário, a canaleta exclusiva de ônibus deve ser implantada no trecho entre as avenidas Rio Branco e Arthur Thomas. “Nesse trecho, a avenida deve perder estacionamento apenas em duas quadras. Mas a maioria do comércio ali tem recuo para atender a seus clientes.” Segundo um comerciante ouvido pela reportagem, a falta de estacionamento geralmente atrapalha o comércio, mas ali, segundo ele, a situação já está dimensionada. “Em grande parte da avenida não é possível estacionar na via. Então, não vejo problemas já que todo mundo tem soluções para atender aos clientes.” A opinião dele é contrária à maioria que teme ter o comércio prejudicado, como ocorreu com os comerciantes da Avenida Duque de Caxias.

Pelo projeto do Ippul, a principal medida será a reabertura do cruzamento com a José de Alencar, no Jardim Shangri-lá A, que foi fechado em junho de 2012, com a retirada da rotatória existente no local. O diretor de Trânsito do Ippul, João Ulisses Lopes, disse que será instalado um semáforo naquele cruzamento e que irá beneficiar, principalmente, quem trafega do Jardim do Sol em direção à zona sul ou ao centro da cidade. “Hoje, o motorista que vem do Jardim do Sol tem que ir até o Shopping Com-Tour para fazer o retorno, o que complicou muito o trânsito da região.”

Com a instalação do semáforo, o motorista que vem da José de Alencar vai poder transpor a Tiradentes sem problemas, mas o sentido inverso não será possível. “O motorista que está na Rua Nilson Ribas e quer ir para a Avenida José de Alencar vai ter que pegar a Avenida Maringá.” Segundo Lopes, a medida é para evitar a instalação de um semáforo de três tempos, o que complicaria o trânsito no local, principalmente em horários de pico. “Como a Maringá é muito perto, se colocássemos um novo semáforo ali seria complicado. O único semáforo que instalaremos será sincronizado com o da Maringá.”

Além dessas mudanças, o secretário de Obras diz que trechos serão alargados com a redução do canteiro central, para que toda a avenida tenha três faixas de rolamento. A via também receberá asfalto novo em toda a sua extensão. “Hoje está complemente degradado, com ondulações, e precisa ser substituído urgentemente.” A avenida também receberá nova sinalização vertical e horizontal.