19/11/2014 00:00:00 Universidade de Maringá deve investir R$ 30 mi em Londrina

Fonte: Folha de Londrina

A Câmara Municipal de Londrina deve discutir na próxima sessão o parecer prévio de um projeto de lei que altera o zoneamento de uma área na região leste da cidade para instalação de um campus da Unicesumar, universidade de Maringá. A área de 32 mil metros quadrados, na qual serão investidos cerca de R$ 30 milhões, fica na Avenida Santa Mônica, entre a Vila Santa Terezinha e o Jardim Ouro Preto, próximo ao pontilhão da linha férrea. 

Em entrevista ao Bonde, o vice-reitor da universidade, Wilson de Matos Silva Junior, afirmou que o terreno foi adquirido em outubro do ano passado por R$ 9 milhões, e a intenção é começar a construção no início de 2015 para realizar o primeiro vestibular no final do próximo ano. 

O primeiro prédio a ser construído tem 11 mil metros quadrados e custo avaliado em R$ 23 milhões. Devem ser instalados 15 cursos no campus Londrina. Alguns já estão com tramitação avançada no Ministério da Educação (MEC), como administração, análise de sistemas, ciências contábeis, gestão de RH e processo gerencial. Outros ainda aguardam parecer da comissão do MEC, como biomedicina, farmácia, engenharia de produção, psicologia, estética e cosmética, design de interiores, engenharia civil, gastronomia e moda. A expectativa da instituição é atender até seis mil alunos após a conclusão das primeiras turmas. 

O parecer prévio que tramita na Câmara de Londrina para alterar o zoneamento e permitir a instalação da universidade tem posicionamento favorável do Conselho Municipal da Cidade (CMC) e da Comissão de Justiça. A Comissão de Desenvolvimento Urbano solicitou manifestação da SEMA e do IPPUL sobre o empreendimento, enquanto a assessoria jurídica da Câmara aponta para aprovação da matéria mas pede que seja aguardada a tramitação do projeto de lei que trata da nova proposta da Lei de Uso e Ocupação do Solo, sugerindo realização de audiência pública para debater a proposta.