Notícias

|

Semestre tem aumento de 17,7% no índice de londrinenses que deixaram a inadimplência

Assessoria ACIL

Os indicadores do Serviço de Proteção ao Crédito da Associação Comercial e Industrial de Londrina (SPC/ACIL) referentes ao mês de junho mostram que o número de consumidores que conseguiram negociar ou pagar as dívidas atrasadas, retirando o nome do cadastro de negativados, aumentou 17,7% no primeiro semestre, em comparação com o mesmo período de 2023. Os resultados foram melhores do que o ano passado em todos os meses de 2024.

Em relação ao mês de junho, o número de consumidores que deixaram a inadimplência aumentou 0,5% em comparação ao mesmo mês do ano passado. 

Negativados

Já o índice dos consumidores que não conseguiram quitar os débitos em dia e tiveram seu nome inscrito no cadastro de inadimplentes, em junho, foi 16,1% menor na comparação com o mesmo mês do ano passado, lembrando que em maio o percentual já havia apresentado recuo de 7,1% na mesma comparação.

Apesar da recuperação ocorrida no último bimestre, o semestre encerrou com alta de 11,9% entre os consumidores com o nome incluído no Serviço de Proteção ao Crédito, em relação ao mesmo período do ano passado.

Análise

“Ao longo destes primeiros seis meses do ano, o registro mostra que um bom percentual de consumidores voltou a ter a possibilidade de tomar crédito na cidade de Londrina, resultado da melhora da economia e da recuperação do emprego formal na cidade, que contabiliza, neste ano, até maio, a geração de 4.224 postos de trabalho com carteira assinada, segundo o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados – CAGED”, destaca Marcos Rambalducci, consultor econômico da ACIL.

Índices

Os dados do SPC/ACIL destacam dois índices: o dos consumidores entrantes (incluídos na restrição ao crédito), que deixaram de pagar alguma conta em dia e tiveram o nome inserido no cadastro de inadimplentes; e os saintes, que estavam com o nome no cadastro de negativados, mas negociaram ou pagaram suas dívidas atrasadas e ‘limparam o nome’, recuperando o crédito.


Compartilhe com o universo

Compartilhar Semestre tem aumento de 17,7% no índice de londrinenses que deixaram a inadimplência no Linkedin Compartilhar Semestre tem aumento de 17,7% no índice de londrinenses que deixaram a inadimplência no Twitter Compartilhar Semestre tem aumento de 17,7% no índice de londrinenses que deixaram a inadimplência no Facebook

Deixe seu comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *